• Ana Luiza Moreira

Crítica/ Indicação de Mundo Mistério: Produção BR da Netflix

A Freaks! comenta sobre a série educativa Mundo Mistério sem grandes spoilers (existe spoiler nesses casos?)


Série documental da Netflix instiga o senso de descoberta dos espectadores

Quando pensamos em produções brasileiras que falam sobre história, tecnologia, ciência e grandes mistérios, logo nos surge na cabeça a imagem do Globo Repórter ou de outros conteúdos jornalísticos que passam em emissoras abertas e abordam os temas em longos programas cheios de comerciais.


Em um formato estilo Telecurso 2000, Mundo Mistério tem um pouco dessa pegada, mas aborda assuntos como a Peste Bubônica, Triângulo das Bermudas, Aquecimento Global, Viagem no Tempo e outros com leveza, uma pitada de humor, rapidez e muito dinamismo. Com oito episódios de 25 minutos cada, o produto é ideal para aqueles dias em que você quer descobrir grandes curiosidades e não ficar com a cabeça cheia por causa delas.


Não tenho nem o que dizer da parte técnica: os cenários são lindos, o cuidado com a produção da gosto de ver, as animações são primorosas, a narração feita pelo Guilherme Briggs é espetacular e o ritmo do texto não fica para trás. É claro que uma ou outra piada ali poderia simplesmente não acontecer, assim como o último episódio, que em minha opinião é muito encenado, mas nada disso tira o mérito dessa produção brasileira cheia de qualidade.


Como essa é uma crítica meio diferente e misturada com indicação, deixo aqui alguns outros motivos para você assistir a série documental:


Elenco


Lilian Regina interpreta a doutora Tay de Mundo Mistério

Com os youtubers Felipe Castanhari (Noslagia), Bruno Miranda (Bubarim), o ator e dublador Guilherme Briggs e a atriz Lilian Regina, Mundo Mistério ganha vida de uma forma natural e sem aquele sentimento de novela que incomoda em algumas produções brasileiras.


Talvez seja possível sentir isso porque por mais que interpretem personagens, dá para notar uma pitada de personalidade dos atores ali e até alguns comentários que parecem vir deles mesmos, como o fato de questionar o uso da expressão “Peste Negra”, que é racista. Pode ser que a fala estivesse no texto mesmo, mas Lilian Regina passa uma verdade e autonomia ali.


Referências


Computador Briggs que tem a voz do ator e dublador Guilherme Briggs

Além de Guilherme Briggs, que é uma própria referência de cultura pop, Mundo Mistério ainda traz uma participação especial do dublador Wendel Bezerra, do humorista Matheus Canella e tem um episódio recheado de citações e teorias sobre um possível Apocalipse Zumbi. Vale mesmo conferir.


Público


Sabe aquelas séries que você não pode assistir perto da família? Bom, não é o caso dessa! Mundo Mistério é o tipo de conteúdo que você pode assistir com qualquer pessoa por perto e possivelmente atrairá a atenção dela. Vale ver com uma criança que está tentando ensinar, com algum parente que ama ver TV Cultura, com alguém que é fã do trabalho dos integrantes do elenco ou com aquela pessoa que não sabe quem é nenhum deles.


Para finalizar preciso dizer que se você não foi convencido a dar uma chance para Mundo Mistério, procure assistir também porque é um conteúdo brasileiro, dar força para o nosso audiovisual é muito necessário.

4 visualizações