• Ana Luiza Moreira

Mundo em Caos é um ótimo filme para a Sessão da Tarde (COM Spoilers)


Mundo em Caos
Daisy Ridley e Tom Holland estrelam Mundo em Caos

Não é todo dia que temos Daisy Ridley e Tom Holland em um filme que se baseia em livro, então é claro que eu precisava assistir Mundo em Caos, mas sinceramente, talvez como as próprias mulheres naquele planeta, fiquei levemente incomodada com os ruídos que o filme apresenta. Antes de entrar mais a fundo nas minhas opiniões, devo dizer que o filme se passa em um futuro distópico, em um mundo onde as mulheres desapareceram e os homens foram afetados pelo "ruído" – uma força que deixa seus pensamentos audíveis e algumas vezes até visíveis. Neste universo conhecemos Todd Hewitt, um jovem que enquanto vaga na floresta encontra Viola, uma garota que aterrissou em seu planeta. A partir daí, vemos os dois fugindo daqueles que tem medo do desconhecido, a própria tribo na qual Todd foi criado. Esclarecendo a questão do ruído que falei no começo do texto, sinto que os efeitos ficaram um pouco estranhos e muitas vezes não pareciam interagir com os atores de forma correta, talvez isso seja uma mistura de problemas entre efeitos especiais/ direção dos atores, mas o fato é que foi algo que me fez dispersar muitas vezes do filme. Além disso, sinto uma falta de aprofundamento na obra, sério que os moradores do planeta nem tentaram interagir com os humanos? Nenhuma tribo apenas de mulheres se organizou? Quantas tribos nós temos nesse planeta? O filme, e acredito que o livro também, tem um potencial imenso, mas se mantém rasos, perdendo um mundo de possibilidades, e quem sabe, até mesmo um franquia. Apesar de tudo o que disse, Mundo em Caos também tem suas partes boas, é um filme que trás uma ideia original, tem ótimas atuações, um vilão muito bom (e aqui falo do prefeito, porque o pastor me irritou profundamente), um plot twist no mínimo interessante e ainda se parece com um longa de fantasia dos anos 80, digo isso como um grande elogio. Mundo em Caos tem aquela vibe de Sessão da Tarde, assim como Amor e Monstros, então se essa for a sua pegada, recomendo fortemente que assista. PS: Matar cachorros em filmes é cruel e deveria ser proibido. É isso Freaks, até a próxima!

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
  • Facebook
  • Instagram