• barbarapinto624

O eterno copia e cola norte-americano

Enquanto nós, reles mortais tupiniquins temos que nos contentar com a dublagem, que diga-se de passagem, damos aula ao resto do mundo, é um parto conseguir apoio para fazer uma produção 100% nossa, já estadunidenses não parecem pensar o mesmo, tendo um hábito muito chato, pegar obras incríveis e fazer sua própria versão, as vezes nem mesmo dão tempo da obra esfriar, e já compram os direitos.


Certo, podem querer trazer o filme para a realidade deles, porém a maior parte das vezes em que isso é feito, é completamente desnecessário, sem contar o fato de que fica inferior ao original, parece até ofensivo.


Sinto como se dissessem "o filme é quase perfeito, só faltam atores estadunidenses". Tudo bem que para o bolso do detentor dos direitos originais, isso é ótimo, porém continua sem sentido. Posso até entender em casos como "Druk", o filme aborda uma visão sobre bebidas alcoólicas que pode ter alteração em outras culturas. Apesar de eu ainda achar desnecessário, mas nesse caso é pessoal mesmo, leia-se Mads Mikkelsen melhor que DiCaprio, não gostou, me processa.

Se você precisa ser convencido com fatos, pois bem, vamos lá:


"A Gaiola das Loucas" (1978)/"The Birdcage" (1996) - Certo, Robin Williams, ponto para os Estados Unidos, mas mesmo assim, a comédia francesa foi muito mais impactante, até pela época em que foi feita.


"Nove Rainhas" (2000)/"171" (2004) - Eu considero uma afronta fazer uma versão norte-americana, medíocre, de um filme estrelado por Ricardo Darín. Achei ofensivo, apaga.


"Dona Flor e seus dois maridos" (1976)/"Meu adorável fantasma" (1982) - Pois é meus amigos, é isso mesmo, a obra de Jorge Amado foi positivamente transmitida nas telonas dos anos 70, e sim, teve remake estadunidense. Acharam que nós estaríamos livres por não sermos europeus ou asiáticos?! Achou errado. Sem tempero e sem Sônia Braga, eles fizeram essa…coisa. Porque choras Jorge?!



Também temos os terrores asiáticos que às vezes tem bons remakes, e às vezes tem… remakes, mas isso ainda é desnecessário, só façam a dublagem se vocês tem preguiça de ler.


Então galera, é sobre isso, nós amamos as produções Hollywoodianas, bom ou ruim, ainda assistimos, mas isso não tira meu sentimento de "Qual a necessidade?!" sempre que eu vejo uma notícia relacionada a isso.


Por hoje é só, esse é o fim do meu surto mal-humorado, mas ainda podemos conversar nos comentários. Até a próxima.

17 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
  • Facebook
  • Instagram