• Ana Luiza Moreira

Os Irregulares de Baker Street seria um ótimo filme da Netflix


Os Irregulares de Baker Street
Trama aposta no sobrenatural para dar uma visão dark a série

Estava ansiosa para o lançamento de Os Irregulares de Baker Street, série que é ambientada na era vitoriana e acompanha uma gangue de adolescentes desajustados manipulada pelo sinistro Dr. Watson e seu misterioso parceiro de negócios, o esquivo Sherlock Holmes, para solucionar crimes.


Preciso dizer que no primeiro episódio fiquei encantada com a história, os personagens e a ambientação. Bea é uma protagonista inteligente, sagaz e com muita personalidade, e conhecer a família "disfuncional" que ela criou é muito legal. Além dos personagens, também tenho que tecer elogios para a produção da série, que tem uma fotografia bem legal e figurinos lindos.

Apesar de amar algumas coisas, ao decorrer dos episódios fui percebendo uma fórmula repetitiva e extremamente desgastada, a famosa série procedural que já comentei algumas vezes aqui não fazer o meu estilo, isso, e o fato de termos uma tentativa de terror mal sucedida e trilha sonora completamente desconexa, me fez desanimar do que tinha tudo para ser uma boa maratona.


A grande verdade é que Os Irregulares de Baker Street deveria ser um filme, e já quase é, levando em consideração que cada episódio tem duração de quase uma hora, e trabalhando mais os personagens e o mistério, cada capítulo se tornaria uma espécie de live action de Scooby-Doo (digo isso com todo respeito e amor, porque amo o Scooby).

Sinto que teria aproveitado bem mais a jornada me focando em um único mistério e não em uma cadeia deles que termina com um grande vilão. Faltou aquela sensação de curiosidade, as pistas pelo caminho, o combo básico de uma boa obra de mistério.

Devo dizer que imagino Os Irregulares como um ótimo filme estilo Enola Holmes, que não por acaso, também se ambienta no mesmo mundo que o nosso querido Sherlock. Sinto que desta forma a obra teria mais chance de sucesso e também de encantar ao público.


Bom pessoal eu recomendo que assistam e tirem suas próprias conclusões, mas façam isso no tempo de vocês, sem pressa... Essa definitivamente não é uma série para se maratonar em um final de semana.

7 visualizações0 comentário
  • Facebook
  • Instagram