• Ana Luiza Moreira

Suki, Sozinha - mais uma HQ fantástica de Avatar (SEM Spoilers)


Suki, Sozinha
Uma trajetória solo e que dá mais contexto para o universo de Avatar

Nem foi preciso esperar muito tempo para termos mais conteúdos de Avatar aqui na Freaks, e desta vez, venho falar sobre a HQ de uma das minhas personagens preferidas de A Lenda de Aang, a destemida Suki.


Suki, Sozinha foi lançado recentemente, mas se encaixa no período temporal do terceiro livro de Avatar, quando ela é capturada pela Nação do Fogo e levada para a Pedra Fervente, onde é deixada por Azula numa prisão sombria no meio de um vulcão adormecido. Ressalto aqui que além de Azula, temos também a pequena participação de outros personagens já conhecidos do mundo de Avatar.


Neste quadrinho, nós vemos Suki completamente despida de suas principais proteções: ela está sem sua armadura, sua pintura de guerra, suas armas, longe de Sokka e de suas irmãs Guerreiras Kyoshi. De início, temos a percepção de que a personagem está com medo do isolamento, já que sempre viveu em comunidade, mas tudo muda quando ela encontra algo muito especial na prisão, fazendo com que se lembre de quem é e de seu passado.



Mesmo com poucas páginas- 79 no total- a HQ acerta ao aprofundar os sentimentos de Suki, o medo que tinha de sair de sua ilha, a importância de seguir os preceitos de Kyoshi e como suas irmãs ajudaram na formação do seu caráter. Isso tudo nos direciona para a criação de uma comunidade ali na prisão, que aos poucos vai se fortalecendo enquanto a garota ganha a confiança dos que passam por tanto medo lá dentro.


No fim, a história acaba sendo muito mais sobre as pessoas e os ensinamentos que Suki carrega, do que qualquer outra coisa. Ela nos mostra em um curto espaço de tempo que é muito capaz de lidar com todos os seus próprios problemas, que é uma ótima líder, uma exemplar guerreira, e o mais importante, que nunca estará sozinha.

16 visualizações0 comentário
  • Facebook
  • Instagram